Uncategorized

Panorama do Ensino Superior

O Sindicato das Mantenedoras do Estado do Rio de Janeiro – SEMERJ realizará no dia 28 de novembro das 9h00 às 14h00, no Auditório da Sociedade Nacional de Agricultura, à Av. General Justo, 171, 2º andar, Castelo, seu último evento de 2019, com o lançamento do Panorama do Ensino Superior no Estado do Rio de Janeiro.

O guia tem por objetivo ajudar as IES a traçar estratégias de atuação a partir de informações consistentes e análises comparativas sobre a realidade da educação superior em nosso estado e, como nas duas edições anteriores, reúne dados estatísticos das instituições privadas e públicas sediadas no Rio de Janeiro e detalhadas
em suas seis mesorregiões. Apresentado pelo Rodrigo Capelato, diretor executivo do Semesp e Sócio da Expertise Educação, a publicação favorece uma melhor compreensão sobre a contribuição das IES para a formação de mão de obra qualificada no estado, mostrando um quadro completo do período de 2009 a 2018.

Além do Panorama, teremos a exposição sobre as gerações de alunos, seus perfis e formas de aprender. Por meio de ferramentas de big data, serão apresentadas as características dos estudantes do Rio de janeiro, estratificadas por idade de cada geração em relação ao perfil de consumo, demografia, influenciadores, personas e formas de aprender. A exposição será feita pelo Fernando Henrique Covac, sócio da Expertise Educação.

Completando o programa será lançado o livro Programa de Integridade Compliance no Setor Educacional. Manual de Compliance, de autoria de José Roberto Covac e Daniel Cavalcante da Silva, seguido da exposição do Dr. José Roberto Covac sobre implantação do Programa de Integridade no Setor Educacional, a mais recente legislação anticorrupção e de proteção de dados, as análises que precedem a implantação de programas de integridade em instituições de ensino.

Data: 28/11/2019
Local: Auditório SNA, Av. Gen. Justo, 171 – Castelo, Rio de Janeiro – RJ
Horário: das 9:00 às 14:00
Público Alvo:
Mantenedores, Reitores, Diretores, Gestores de IES, Coordenadores Acadêmicos

PROGRAMA:

09h00        Credenciamento dos Participantes
9h30          Abertura – Prof. Dr. Rui Otávio
Palavra do Presidente – Prof. Candido Mendes

9h45        Panorama do Ensino Superior
Rodrigo Capelato- Graduado em economia pela universidade de São Paulo e em Administração pela FAAP, é coordenador do Sistema de Informações do Ensino Superior Privado e diretor executivo do Semesp. É membro do Grupo de Estudo de Indicadores de Educação, da Comissão de Aperfeiçoamento do FIES e do Conselho Consultivo do CC-PARES/MEC, além de participar ativamente de grupos de discussão com o setor.

10h45    Gerações de Alunos, seus perfis e formas de aprendizado Fernando Henrique Covac – Formado em Administração e Marketing, é consultor de Big Data com MBA em Marketing pela FIA/USP. Criador de
soluções inteligentes e de valor estratégico para faculdades, centros universitários e universidades, com foco em inovação e auxílio à tomada de decisão. Pioneiro no Brasil na utilização de ferramentas de Big Data para Instituições no Ensino Superior.

11h45        Brunch no local   

12h30    12h30    Programa de Integridade no Setor Educacional
Dr. José Roberto Covac- Advogado especialista em Direito Educacional, coordenador e professor do Curso de Direito Educacional no Centro de Extensão Universitária (CEU) e Consultor jurídico do Sindicato da Entidades Mantenedoras dos Estabelecimento de Ensino Superior no Estado do Rio de Janeiro (SEMERJ) e Sindicato das Mantenedoras de Ensino Superior (Semesp). Atua há mais de 20 anos na regulamentação e legislação educacional
tendo acompanhado as principais mudanças do setor nos últimos anos.

14h00    Encerramento

INVESTIMENTO:
Associados:
– R$ 300,00 por participante

Não associados:
– R$ 600,00 por participante

Inscrições Encerradas!

 

Patrocínio:
 

VIVENDO ENTRE 2 MUNDOS – A UNIVERSIDADE NO OLHO DO FURACÃO

Universidade Corporativa SEMERJ

Palestrante:
Professor Carlos A. Monteiro- Prof. Carlos Antonio Monteiro, Fundador e Diretor Presidente da CM Consultoria, fundada em 1988, especializada na área educacional. Sua atuação no cenário da educação iniciou-se em 1970, acompanhando todo processo de consolidação e expansão do ensino superior privado. Carlos Monteiro é Advogado, Administrador, Sociólogo, Pós-graduado em Planejamento e Gestão Universitária pela Michigan University, Especialista e MBA em Marketing pela Madia Marketing School.

Palestras:
1. O LINEAR E O EXCEPCIONAL: DOIS MUNDOS INCOMPATÍVEIS.
 * Tendências
2. MUNDO LINEAR E SUAS CARACTERÍSTICAS
    2.1. A crise brasileira
    2.2. O que o censo de 18 nos diz?
    2.3. A tragédia do fies e suas consequências
    2.4. Regulação: o bônus da qualidade e seus reflexos

3. MUNDO EXPONENCIAL E SUAS CARACTERÍSTICAS
    3.1. O mundo VUCA e seus reflexos na educação
    3.2. Do diploma para a Longlife Learning
    3.3. Da sala de aula para a educação a qualquer hora em qualquer lugar
    3.4. Do professor para a Mentoria
    3.5. Do campus para o Bootcamp
    3.6. Do aluno para o aprendiz

4. GO DIGITAL? BE DIGITAL? A JORNADA DA TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
    4.1. O conceito de Mindset
    4.2 . Go Digital!
    4.3. Bee digital!
    4.4. Características da universidade empreendedora
    4.5. Cases brasileiros

Data: 11/11/2019
Local: Auditório da SNA – Av. General Justo, 171, Castelo, Rio de Janeiro
Horário: das 9:00 às 14:00
Público Alvo: Mantenedores, Reitores e Diretores Gerais, Pró-Reitores e Diretores, Marketing e Acadêmica

INVESTIMENTO:
*Associados:
– Evento Gratuito

*Não associados:
– R$ 350,00 por participante

 

Vagas encerradas!

Manual de Compliance no Setor Educacional será lançado no dia 26 em São Paulo, durante o 21º FNESP

Autores da obra são sócios da Covac Sociedade de Advogados e  farão também pré-lançamento em seminário para clientes no dia 25

Depois de terem abordado, em um livro publicado em 2015, a aplicação do princípio do compliance no setor educacional, os sócios da Covac Sociedade de Advogados, Dr. Daniel Cavalcante Silva e Dr. José Roberto Covac, especialistas em Direito Educacional, voltam ao tema em uma nova obra que será lançada durante o 21º FNESP – Fórum Nacional do Ensino Superior Privado, no próximo dia 26 (quinta-feira), e terá um pré-lançamento durante o 12º Seminário Anual para clientes da Covac, no dia 25 (quarta-feira). Os dois eventos serão realizados em São Paulo e a imprensa poderá ter acesso aos lançamentos inscrevendo-se para participar. Após os eventos a obra poderá ser adquirida nos sites da Amazon e da Livraria Cultura.

O livro Programa de Integridade no Setor Educacional – Manual de Compliance aborda a recente legislação que entrou em vigor e introduz  temas inéditos, como a aplicação da Lei Anticorrupção e da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que passará a vigorar em agosto de 2020, o compliance no Terceiro Setor e a indicação das análises que precedem a implantação do Programa de Integridade em Instituições de Ensino.

“Não podia ser mais atual nem mais útil esse guia prático para uso de gestores educacionais e operadores do Direito na montagem de um programa de compliance que permita afastar os riscos de não conformidade das Instituições de Ensino Superior diante da abundância de leis e normas que regulamentam o ensino superior privado”, diz o Dr. José Roberto Covac.

“Os gestores são os reais garantidores da democratização da educação para os jovens no país, respondendo por mais de 75% das vagas no ensino superior. Então essa obra profissional é para profissionais e merece figurar também nas bibliotecas dos modernos operadores do Direito, sejam advogados, sejam agentes do Ministério Público ou do Judiciário”, acrescenta o Dr. Daniel Cavalcante Silva.

Como especialistas nas questões que envolvem o Direito Educacional em geral e as práticas de integridade e conformidade para o setor em particular, os autores reforçam com o novo livro todo o conhecimento acumulado em relação ao tema em sua trajetória como sócios da Covac Sociedade de Advogados.

 

Programa de Integridade no Setor Educacional – Manual de Compliance

Autores: Daniel Cavalcante Silva e José Roberto Covac

Editora de Cultura

256 páginas

Formato 17×24 cm

 

Pré-lançamento: dia 25/9

12º Seminário Anual da Covac Sociedade de Advogados

Local: Ibis São Paulo Congonhas

Endereço: Rua Baronesa de Bela Vista, 801 – Jd. Congonhas

Horário: a partir das 18 horas

 

Lançamento: dia 26/9

21º FNESP

Local: World Trade Center de São Paulo

Endereço: Av. das Nações Unidas, 12.551 – São Paulo

Horário: a partir das 18h30

BRASIL CONQUISTA 3º LUGAR NA MAIOR COMPETIÇÃO DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL DO MUNDO

 

Em 2019, o Brasil fez história e ficou entre os países com a melhor educação profissional do mundo. A delegação composta por 63 jovens brasileiros conquistou o terceiro lugar no ranking geral de pontos da olimpíada mundial de profissões técnicas, a WorldSkills. A cerimônia de entrega de medalhas foi realizada na última terça-feira (27/08), na Arena Kazan, na Rússia. 

As Skills (habilidades) têm poder de transformar a vida de jovens em todo o mundo. Elas ajudam a construir uma autoestima profissional e descobrir potenciais. Além disso, criam oportunidades e conectam comunidades. São a base do progresso econômico e alicerces do  mundo.

WorldSkills 2019
Lançada em 1950, a competição é bianual e cada edição acontece em um país diferente. Em 2019, o WorldSkills foi realizado em Kazan, na Rússia, de 22 a 27 de agosto. Esta edição reuniu 1.354 jovens. As 56 provas realizadas foram divididas em seis setores: Tecnologia da Construção Civil, Artes e Moda Criativa, Tecnologia da Informação e Comunicação, Tecnologia de Manufatura e Engenharia, Tecnologia de Manufatura e Engenharia, Serviços Sociais e Pessoais e Transporte e Logística.

O Brasil ficou em terceiro lugar geral. A China, que sediará a próxima WorldSkills, ficou em primeiro lugar no ranking de pontos totais. A Rússia, a anfitriã do torneio, garantiu a segunda posição e a Coreia do Sul ficou em quarto. 

Além de duas medalhas de ouro, cinco de prata e seis de bronze, a delegação brasileira ganhou certificados de excelência em 28 ocupações, nas quais os competidores ficaram acima da nota média dos concorrentes.

O Brasil tem se estabelecido entre as equipes mais vitoriosas da competição e foi a grande campeã quando o evento ocorreu em São Paulo/SP, em 2015, pela primeira vez em um país da América Latina. Na última edição, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, alcançou o segundo lugar.

História
O torneio WorldSkills, que completará 70 anos em 2020, nasceu da iniciativa de um grupo de pessoas e empresas. O movimento reúne estudantes, educadores, governos e indústrias de diferentes setores. É atualmente o maior torneio de educação profissional do planeta. 

Os desafios são realizados por jovens de até 22 anos e cada ocupação tem provas específicas, nas quais os competidores precisam demonstrar habilidades individuais e coletivas e realizar provas em padrões internacionais de qualidade.

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) é um dos parceiros internacionais da iniciativa.

 
Fonte: ABMES

Secretário do MEC defende maior equidade na distribuição de recursos para universidades

O secretário de Educação Superior do Ministério da Educação (MEC), Arnaldo Lima, defendeu uma melhor distribuição nos recursos da União destinados a universidades. De acordo com ele, a distribuição baseada em índices de desempenho traria maior equidade no repasse da verba.

“Queremos tratar os desiguais de formas diferentes. Existe desigualdade na distribuição de recursos e o Futere-se propõe um repasse mais equitativo”, explicou durante participação nesta segunda-feira, 19 de agosto, no 3º Congresso Internacional de Jornalismo de Educação, o Jeduca.

Arnaldo afirmou que as universidades com os melhores índices de governança, por exemplo, deverão ser premiadas. “A forma de exercer autonomia universitária é prestar contas do subsídio que recebe. Então, quem é que presta contas? É aquele que tem melhor governança. Os indicadores de governança fazem com que a gente tenha mais previsibilidade para que não faltem recursos”, explicou durante o evento em São Paulo.

Arnaldo disse que a mudança será discutida com os reitores. De acordo com ele, um dos indicadores será o ranking de governança do Tribunal de Contas da União (TCU). Outros índices utilizarão a criação de patentes e de empregabilidade. A previsão é que o debate sobre o tema seja aprofundado entre o final deste ano e meados do ano que vem.

O secretário destacou que a atual matriz orçamentária distribui recursos baseados 90% no tamanho da universidade e 10% no desempenho. “A gente quer aumentar essa proporção dos 10% [desempenho] ao longo de 10 anos”, disse.

“Hoje nós temos universidades no Sudeste em que custo por aluno é muito mais elevado do que no Norte e Nordeste. Muitas vezes as universidades que se destacam no índice de governança, ou seja, que fazem melhor planejamento, são as que menos recebem recursos”, afirmou.

Future-se – Lima defendeu a implementação do Future-se, programa lançado pelo MEC para garantir maior autonomia financeira e incentivar o empreendedorismo em universidade e institutos federais. Ele destacou que o programa será aperfeiçoado com as sugestões da consulta pública.

“O debate é plural, como deve ser no meio acadêmico. A consulta pública é instrumento de aperfeiçoamento. Não é para ser a favor ou ser contra é para sugerir melhorias. A gente tem que receber as sugestões para poder aperfeiçoar”, explicou.

Fonte: Portal MEC

Clique aqui.

Legislação Trabalhista e  Convenção Coletiva de Trabalho

Universidade Corporativa SEMERJ

 

Objetivo:
Aprofundar o conhecimento dos participantes para diminuir problemas trabalhistas tendo em vista o não cumprimento ou o cumprimento equivocado das normas coletivas e legislação vigente.

Data: 27/08/2019
Local: Centro – Rio de Janeiro
Horário: das 9h às 13h

Público alvo:
Profissionais da área de Recursos Humanos e Administração de Pessoal das IES;
Profissionais da área Jurídica das IES;
Profissionais que buscam aprofundar seus conhecimentos a respeito da legislação trabalhista vigente  e  Convenções Coletivas de Trabalho em vigor.

Palestrante:
Dra. Márcia Adriana de Oliveira Silva, especialista em Direito Empresarial e em Direito e Processo do Trabalho, advogada da Covac Advogados, professora da Unigranrio, consultora jurídica do Sindicato das Mantenedoras de Ensino Superior do Estado do Rio de Janeiro, e conselheira da OAB.

 

Temas abordados:
1) Instrumento Coletivo de Trabalho
     a) Convenção Coletiva de Trabalho
     b) Acordo Coletivo de Trabalho
2) Tutor Presencial e Tutor a Distância
3) Contrato de Trabalho
    a) Pós-Graduação
    b) Ensino a Distância – Teletrabalho
4) Regime de Trabalho
    a) Horista
    b) Tempo Parcial
    c) Tempo Integral
5) Professor Ingressante
6) Duração da Hora Aula / Redução da Carga horária
7) Carga Horária / Disponibilidade do Professor
8) Adicional de Insalubridade
9) Associação de Professores
10) Pré-Aposentadoria
11) Jornada de Trabalho (Telemarketing/Radialista). Tempo Parcial

 

Investimento:
* Associados:
– R$ 300,00 por participante
Observação: Instituições pagantes da Contribuição Sindical em 2019: 03 inscrições gratuitas.

* Não associados:
– R$ 500,00 por participante

 

Inscrições Encerradas

Convenção Coletiva de Trabalho celebrada entre o SEMERJ e o Sinpro-Rio

Convenção Coletiva de Trabalho 2019/2021 celebrada com o Sindicato dos Professores do Município do Rio de Janeiro e Região – Sinpro-Rio, assinada ontem, dia 6 de agosto de 2019, conforme aprovação pelos presentes na AGE patronal realizada no dia 5 último.   

Aproveitamos para informar que o SEMERJ realizará no dia 27 de agosto, evento sobre Legislação Trabalhista e  Convenção Coletiva de Trabalho, abordando os tópicos:

1) Instrumento Coletivo de Trabalho

  1. a) Convenção Coletiva de Trabalho
  2. b) Acordo Coletivo de Trabalho

2) Tutor Presencial e Tutor a Distância

3) Contrato de Trabalho

  1. a) Pós-Graduação
  2. b) Ensino a Distância – Teletrabalho

4) Regime de Trabalho

  1. a) Horista
  2. b) Tempo Parcial
  3. c) Tempo Integral

5) Professor Ingressante

6) Duração da Hora Aula / Redução da Carga horária

7) Carga Horária / Disponibilidade do Professor

8) Adicional de Insalubridade

9) Associação de Professores

10) Pré-Aposentadoria

11) Jornada de Trabalho (Telemarketing/Radialista).

Para ler na íntegra, clique aqui.

 

 

MEC PRORROGA PRAZO PARA RENEGOCIAÇÃO DE DÍVIDA COM FIES

O Ministério da Educação (MEC) prorrogou, para o dia 10 de outubro, o prazo para renegociação de dívida do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). A portaria que prevê a ampliação a renegociação foi publicada hoje (30) no Diário Oficial da União.

Para pedir a renegociação, os estudantes precisam ter firmado o contrato com o Fies até o segundo semestre de 2017; estar com as parcelas atrasadas em, no mínimo, 90 dias; e ter contratos em fase de amortização.

Além disso, os contratos não podem ser objeto de ação judicial. A depender do tipo contrato, a renegociação também poderá ser feita pelo prazo de amortização.

De acordo com o Ministério da Educação, mais de 500 mil alunos estão com os contratos de financiamento na fase de amortização e com atraso no pagamento das prestações. O saldo devedor total alcança o valor de R$ 11,2 bilhões.

Para regularizar a situação, os interessados devem procurar a instituição bancária onde o contrato foi assinado. O valor da parcela resultante da renegociação não pode ser inferior a R$ 200. Há ainda a parcela de entrada. O estudante deve pagar ou 10% da dívida consolidada vencida, ou R$ 1.000.

 
Fonte: ABMES
 

Universidade Corporativa SEMERJ

O Financiamento Estudantil e os Desafios da Sustentabilidade no Ensino Superior

O financiamento estudantil no Ensino Superior é um assunto desafiador no mundo inteiro. Esta dificuldade é particularmente sentida no Brasil, com o prolongar da crise econômica e a falência do governo como agente financiador. Nesse contexto, as IES devem planejar sua carteira de financiamento a curto, médio e longo prazo, ofertando aos estudantes novas e tradicionais formas de financiamento que estejam alinhadas com sua estratégia de desenvolvimento.

O que você precisa saber para construir a sustentabilidade da sua IES?”

Data: 16/08/2019
Local: Centro – Rio de Janeiro
Horário: das 9:00 às 13:00

 

Público Alvo:
Mantenedores, Reitores e Diretores Gerais, Pró-Reitores e Diretores das áreas de Finanças, Marketing e Acadêmica

 

Palestrante:
Alexandre Habbib Mori
 – Gerente de Programas de Financiamentos do SEMESP. Consultor associado da Expertise Educação (antiga Covac Educação & Soluções), professor da Universidade Corporativa do SEMESP. Possui MBA em Gestão Universitária pela UNISAL. Conteudista e tutor do Curso de Gestão Operacional do FIES, lançado em 2015, pelo MEC.  Trabalha com financiamentos na educação superior desde 1998, passando pelo programa CREDUC e todas as versões do FIES, além de PROUNI e financiamentos próprios.

 

INVESTIMENTO:
* Associados:
– R$ 300,00 por participante
Observação: Instituições pagantes da Contribuição Sindical em 2019: 03 inscrições gratuitas.

Não associados:
– R$ 500,00 por participante

 

Inscrições encerradas

 

Patrocínio: